Polícia investiga sequestro de ex-namorada de PM, grávida, na Zona Norte do Rio

Mulher afirma ter ficado mais de 2h30 em poder dos criminosos.

Rua São Francisco Xavier, na altura do Colégio Militar, onde a mulher foi sequestrada. - Foto: Reprodução Google maps

A Polícia Civil investiga o sequestro da ex-namorada de um policial militar que teria ocorrido nessa quarta-feira no bairro do Maracanã, na Zona Norte do Rio. A mulher, grávida de 7 meses, relatou ter sido capturada pelos criminosos quando deixava seu salão de beleza. A vítima afirma que os bandidos chegaram a exigir uma quantia em dinheiro para libertá-la, mas, ao mexerem em seu telefone e notarem que ela havia se relacionado com um PM, decidiram levá-la para duas comunidades.

A ex-namorada do policial também relatou que, em determinado momento, ao saírem do Lins, os criminosos deixaram que ela seguisse em seu próprio carro, apesar de terem ordenado que ela deveria acompanhar outro uma moto no qual os bandidos estavam. Segundo a mulher, atrás ainda havia dois veículos com outros criminosos. Nesse momento, ela conseguiu fugir e pediu ajuda a policiais do 16º BPM (Olaria). A vítima afirma ter ficado em poder dos criminosos por mais de 2h30.

O caso foi registrado na 19ª DP (Tijuca), mas transferido na manhã desta quinta-feira para a 18ª DP (Praça da Bandeira), que investigará o caso. Durante a madrugada, policiais fizeram diligências na região que a mulher afirma ter sido sequestrada, em busca de câmeras de segurança que possam ter flagrado a ação dos bandidos.