Mesmo com Covid-19, contribuinte surpreende e incrementa em 35,86% receita de IPTU

O montante arrecadado até segunda-feira (prazo inicial de vencimento) somou R$ 2.465.135,10.

Chefe do Setor de Tributação do município, Egerton Zarate. - Foto: Marco Tomé/Região News

O contribuinte sidrolandense, contrariou as expectativas e garantiu o incremento de 35,86% na receita de IPTU, considerando o pagamento à vista que aumentou 16,10% em relação a 2019 e a arrecadação de quem fez a opção pelo parcelamento, que aumentou 72,51%. O montante arrecadado até segunda-feira (prazo inicial de vencimento) somou R$ 2.465.135,10, ante o valor de R$ 1.812.050,04, do ano anterior.

Com a prorrogação até dia 11 de maio, mantido o comportamento de 2019, quando também o calendário foi postergado, a projeção é de uma receita adicional de aproximadamente R$ 353 mil a mais nos cofres municipais. O menor reajuste do IPTU aplicado nos últimos 4 anos (2,72%, equivalente ao IPCA acumulado de novembro de 2018 a novembro de 2019), pode ter sido um estímulo ao contribuinte a pagar o imposto.

"Nos surpreendeu muito. Estávamos temerosos com esta receita, principal tributo do município, em decorrência do coronavírus que vem provocando estrangulamento na econômica em diversas camadas sociais", comentou o chefe do Setor de Tributação do município, Egerton Zarate, a reportagem do RN.

Do valor total lançado, R$ 12,2 milhões, o contribuinte já abateu R$ 2,8 milhões (23,39%), considerando que quem pagou a vista teve 20% de desconto e quem preferiu parcelar, 10%. O número de carnês distribuídos (11.750) foi praticamente o mesmo do ano passado (11.738). Com a incorporação de novos loteamentos, de 2018 para 2019, a base de contribuição aumentou 8,40% (de 10.828 para 11.738). Para 2021, haverá o incremento de mais 1.200 imóveis, principalmente terrenos dos novos lançamentos imobiliários ainda em fase de venda.

Conforme os dados da Secretaria de Fazenda, o valor arrecadado com o pagamento à vista, cresceu 16,10%, um incremento financeiro de R$ 209,4 mil, subindo de R$ 1.300.619,50 para R$ 1.510.040,70. Um Crescimento expressivo (72,51%) foi o do valor recebido de quem optou pelo parcelamento: passou de R$ 553.423,75 para R$ 954.733,40, um ganho de R$ 401,3 mil.