Em documentário, Iniesta relembra depressão em 2009: "Tudo era sombrio"

Craque espanhol sofreu com a morte por ataque cardíaco do amigo Dani Jarque, do Espanyol.

Iniesta homenageia Dani Jarque na comemoração do gol da Espanha na final da Copa de 2010 contra a Holanda - Foto: EFE

Em um documentário exibido nesta quinta-feira no Japão sobre a sua carreira, o ídolo espanhol Andrés Iniesta, há três anos jogando no Vissel Kobe, da J-League, deu detalhes sobre a depressão que enfrentou em 2009.

Aos 25 anos, Iniesta vivia um dos melhores momentos da carreira, titular e um dos destaques do Barcelona, então campeão espanhol e europeu, e da seleção espanhola, que viria a conquistar a Copa do Mundo da África do Sul no ano seguinte, com um gol dele na final contra a Holanda.

 

O jogador espanhol, no entanto, acredita ter entrado em depressão por causa da morte do amigo Dani Jarque, do Espanyol, que sofreu um ataque cardíaco em agosto de 2009, aos 26 anos.

- Quando soube da notícia, tive a impressão de receber um soco, um golpe muito potente que me deixou em nocaute e me derrubou. Eu não estava nada bem. Os dias passavam e eu me dava conta que minha situação não melhorava. Não me sentia bem, não era o mesmo. Tudo era sombrio, eu via tudo escuro - disse Iniesta em um trecho do documentário da Rakuten TV, chamado "Andrés Iniesta, o herói inesperado".

Após marcar o gol da vitória por 1 a 0 sobre a Holanda, na prorrogação da final da Copa de 2010, Iniesta levantou a camisa da Espanha e mostrou uma camiseta com uma homenagem ao amigo: "Dani Jarque Sempre Conosco".

Iniesta revelou no documentário que chegou a pensar em voltar a morar com os pais.

- Quando seu filho de 25 anos vem te ver na madrugada e diz que quer dormir com os pais, é porque não está nada bem. Eu perguntei qual era o problema e ele me respondeu que não sabia, que não se sentia bem - contou o pai de Iniesta, José Antonio.

A ajuda profissional da psicóloga Inma Puig e o apoio do então técnico do Barça, Pep Guardiola, ajudara o craque a sair da depressão, de acordo com o documentário.