Prefeitura começa pela UPA desinfecção de prédios públicos para conter avanço da Covid-19

O prédio foi evacuado por volta das 21 horas de ontem.

Vigilância Sanitária durante ação de desinfecção da UPA. - Foto: Marco Tomé/Região News

A Secretaria Municipal de Saúde de Sidrolândia, iniciou pela Unidade de Pronto Atendimento (UPA), a desinfecção de prédios públicos no combate ao coronavírus. Ontem a noite, por volta das 21 horas, paramentados, uma equipe da Vigilância Sanitária, pulverizou cerca de 40 litros de hipoclorito de sódio (0,5%) em todo o prédio.

O secretário de Saúde, Nélio Paim (PSB), informou ao RN que todos os prédios públicos e de instituições privadas passarão pela higienização de desinfecção na próxima semana. "Iremos intensificar as ações de combate a Covid-19. Locais em que há grande circulação de pessoas, terão prioridade", explica.

O produto utilizado na ação é o cloro misturado com água e tem a finalidade de matar o vírus, que pode estar na superfície, nas paredes, nos pegadores de portas e no chão. O prédio da UPA teve de ser evacuado durante a aplicação do hipoclorito. No momento, havia pouco movimento de pacientes no local.

"É extremamente importante a desinfecção porque o vírus pode estar circulando em qualquer lugar. Por se tratar de uma unidade de saúde, a preocupação ainda é maior", comenta o secretário que vai discutir o plano de ação com o prefeito Marcelo Ascoli na segunda-feira.

O trabalhador da JBS/Seara, que testou positivo para Covid-19 na quarta-feira (6), passou pela UPA na madrugada da última terça-feira com sintomas da doença. Ele havia sido dispensado de suas atividades laborais na empresa, na segunda-feira a noite (4), após triagem identificar que tinha acabado de chegar de viagem da cidade de Belém do Pará (Capital).