Homem que caiu de moto enquanto fugia da PM morre na Santa Casa

Na ocasião, Santos estava na garupa de uma motocicleta que era conduzida por um outro jovem, de 18 anos.

Motocicleta onde Santos estava no dia da fuga. - (Foto: PC de Souza/Divulgação)

Ângelo Soares dos Santos, de 30 anos, morreu nesta segunda-feira (18) na Santa Casa de Campo Grande, 87 dias depois de sofrer uma queda de moto enquanto fugia da Polícia Militar de Coxim. Na ocasião, Santos estava na garupa de uma motocicleta que era conduzida por um outro jovem, de 18 anos.

Momentos antes do acidente, no dia 21 de fevereiro, a dupla teria arrombado um rancho próximo ao Barranco Vermelho, e em seguida fugiu em direção a área urbana. Informados sobre o crime os policiais então montaram uma barreira na estrada e deram ordem de parada ao condutor da motocicleta, no entanto, a dupla fugiu.

Durante a perseguição, Ângelo teria atirado contra os policiais, contudo, enquanto passavam pela Avenida Mato Grosso do Sul, o piloto acabou derrapando e batendo a moto em uma árvore. Mesmo após o acidente ele fugiu do local a pé. No entanto, algum tempo depois ele foi localizado em sua residência, na Rua América. No local também foram localizados diversos produtos de furtados.

Já Ângelo teve TCE (Traumatismo Craniano Encefálico) grave, foi levado pelo Corpo de Bombeiros a Hospital Regional Álvaro Fontoura, porém, devido à gravidade dos ferimentos ele foi transferido para Campo Grande. A morte dele foi confirmada por familiares, conforme o site Edição MS.

Na noite da perseguição os policiais também apreenderam duas mochilas, com várias munições de diversos calibres e uma espingarda que pertencia a dupla.