Marinho diz a torcedor em rede social que não recebe do Santos há quatro meses

Clube não se pronuncia oficialmente; valores atrasados são de direitos de imagem.

- Foto: Divulgação

O clima entre jogadores e diretoria do Santos não é dos melhores e foi agravado na última semana, quando os salários de todos os funcionários do clube que recebem mais de R$ 6 mil, inclusive o dos atletas, teve corte de 70%. Nesta terça-feira, o atacante Marinho respondeu a um torcedor, no Instagram, dizendo que não recebe do Peixe há quatro meses.

O clube não se pronuncia oficialmente. O site apurou que os valores atrasados são de direitos de imagem de alguns atletas — entre eles, o próprio Marinho. Os jogadores, portanto, estão recebendo o valor registrado em carteira normalmente.

 
 

Na mesma publicação, Marinho foi atacado por diversos torcedores por causa da insatisfação pelo corte de 70% nos salários dos jogadores. O atacante aproveitou o espaço para respondê-los e citou, diversas vezes, o atraso.

Os salários dos jogadores foram cortados sem um acordo entre elenco e diretoria. A proposta dos atletas era para reduzir 30%, mas o clube avaliou que seria necessário aumentar o corte para 70% para garantir o pagamento nos próximos três meses.