Justiça decreta preventiva de 3 envolvidos em assalto à padaria

Os três tem várias passagens pela polícia. Eles assaltaram a Padaria São Rafael.

Juiz Claúdio Muller Pareja, converteu em preventiva a prisão de Paulo Henrique Ribeiro de Oliveira, Vinicius Rodrigues e Evandro de Lima Prado. - Foto: Vanderi Tomé/Região News

O juiz Claúdio Muller Pareja, converteu em preventiva a prisão de Paulo Henrique Ribeiro de Oliveira, Vinicius Rodrigues e Evandro de Lima Prado, ainda não capturado, que no último dia 26 assaltaram a Padaria São Rafael, onde um deles entrou armado, rendeu os funcionários, agrediu a coronhadas o cliente e levaram o dinheiro disponível no caixa, R$ 1 mil.

Os três tem várias passagens pela polícia, um deles, Paulo Henrique, preso no último dia 16 com duas trouxinhas de maconha e crack foi colocado em liberdade provisória no dia seguinte, por conta da pequena quantidade de drogas e o fato do período de pandemia, quando a orientação do CNJ (Conselho Nacional de Justiça) é evitar a superlotação dos presídios.

Evandro Lima Prado, preso dia 5 de maio numa boca de fumo na Rua Lauro Muller com 5 invólucros de crack, foi solto seis dias depois, no dia 11, porque se entendeu ter cometido um crime de menor potencial ofensivo. Foi flagrado com uma quantidade pequena de entorpecentes. Antes disso, havia sido preso dia 23 de fevereiro com 2 trouxinhas de maconha, porte de drogas para consumo, o que não é crime.