Governadores são aprovados por 44% e reprovados por 29% no combate à pandemia, diz Datafolha

Pesquisa foi realizada em 23 e 24 de junho, com 2.016 brasileiros pelo celular em todas as regiões e estados do país.

Governador do Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja. - Foto: Divulgação

Pesquisa Datafolha divulgada pelo jornal "Folha de S.Paulo" no final da noite desta quinta-feira (26) mostra os seguintes percentuais de aprovação e reprovação dos governadores no combate à pandemia do novo coronavírus.

Avaliação do desempenho do governador do estado do entrevistado em relação ao coronavírus:

  • Ótimo / Bom: 44% (maio: 50%; 17 abr.: 54%; 1 a 3 abr.: 58%; mar.: 54%)
  • Ruim / Péssimo: 29% (maio: 25%; 17 abr.: 20%; 1 a 3 abr.: 16% ; mar.: 16%)
  • Regular: 26% (maio: 24%; 17 abr.: 24%; 1 a 3 abr.: 23% ; mar.: 28%)
  • Não sabe: 1% (maio: 1%; 17 abr.: 1%; 1 a 3 abr.: 2% ; mar.: 3%)

A pesquisa Datafolha foi realizada em 23 e 24 de junho, com 2.016 brasileiros adultos que possuem telefone celular em todas as regiões e estados do país. A margem de erro é de dois pontos percentuais, para mais ou para menos.

O Datafolha também quis saber sobre o desempenho do Ministério da Saúde. Os resultados foram:

Avaliação do desempenho do Ministério da Saúde em relação ao coronavírus:

  • Ótimo / Bom: 33%
  • Ruim / Péssimo: 34%
  • Regular: 31%
  • Não sabe: 2%

O instituto avaliou ainda o trabalho do Ministério da Economia. Os resultados:

Avaliação do desempenho do Ministério da Economia em relação ao coronavírus:

  • Ótimo / Bom: 33%
  • Ruim / Péssimo: 26%
  • Regular: 38%
  • Não sabe: 3%

O levantamento também perguntou ao entrevistado sobre o trabalho do presidente Jair Bolsonaro durante a pandemia.

Opinião sobre se Bolsonaro mais ajuda do que atrapalha ou mais atrapalha do que ajuda no combate ao coronavírus:

  • Mais ajuda do que atrapalha: 34%
  • Mais atrapalha do que ajuda: 61%
  • Não ajuda / Nem atrapalha: 2%
  • Não sabe: 3%

Prefeitos

Por último, avaliação do desempenho do prefeito da cidade do entrevistado em relação ao coronavírus. Os resultados:

  • Ótimo / Bom: 44%
  • Ruim / Péssimo: 34%
  • Regular: 21%
  • Não sabe: 2%